publicidade

Notícias

Servidores da Educação paralisam atividades e fazem ato em frente à Câmara de Várzea Grande (MT)

Cuiabá - MT, postado em 18.02.2020 às 17:16hs | Fonte: G1-MT | Por: Da Redação

As aulas em 38 escolas e creches de Várzea Grande (MT) foram suspensas nesta terça-feira (18) devido à paralisação dos servidores da educação. Os trabalhadores cobram recomposição salarial de 12.84% e progressão de carreira para técnicos da educação.

A Prefeitura de Várzea Grande informou que está analisando se concederá o reajuste e o impacto financeiro que isso pode causar nos cofres públicos.

O ato, que reuniu cerca de 650 pessoas, começou na Avenida Filinto Müller e seguiu para a Câmara de Vereadores, na Avenida Castelo Branco. Com carro de som, faixas e cartazes, os servidores reivindicaram o enquadramento da categoria na pasta da Educação.

O presidente do Sindicato dos Trabalhadores do Ensino Público (Sintep-MT), Valdeir Pereira, disse que o Plano de Cargos, Carreiras e Salários (PCCS) é uma reivindicação antiga dos servidores que atuam no município.

“Essa manifestação é pauta da categoria há décadas. Tem pessoas que trabalham para o município há anos e a prefeitura não tem se movimentado para reconhecer esse direito dos servidores”, disse.

Os trabalhadores afirmaram ainda que desrespeitados e desvalorizados.

“Várzea Grande é um dos polos de Mato Grosso e os servidores ter que paralisar as atividades para conseguir seus direitos vai na contramão do tempo. Valorizar os servidores é o mínimo que a gestão deveria fazer”, ressaltou Valdeir.

publicidade

Deixe seu comentário!

publicidade
publicidade
publicidade
publicidade
publicidade

Veja Também

publicidade
publicidade
publicidade

2020 - Todos os direitos reservados ao Website Servidores MT - A.A.DA COSTA PROPAGANDA - CNPJ 10.172.291/0001-59. Fale com a redação (65) 9984-1353 / contato@servidoresmt.com.br